O que é bom pode ficar ainda melhor. Foi o que provou na manhã deste sábado, dia 9 de julho, o Conselho Regional de Medicina Veterinária do Amazonas (CRMV/AM), em parceria com a organização não governamental União de Política Animal (UPA) e com os alunos do Curso de Medicina Veterinária da Nilton Lins, na realização da segunda edição da campanha ‘’Balcão de Pet Shop não é consultório, nem clínica’’, na Bola do Eldorado, na Avenida Mário Ypiranga, no bairro do Parque Dez.

Com o objetivo de orientar a sociedade sobre a diferenciação entre os estabelecimentos veterinários, determinando estrutura obrigatória para cada um deles, conscientizar a população da importância de direcionar o atendimento apropriado ao seu animal, além de alertar a respeito das Diretrizes Gerais de Responsabilidade Técnica, ‘’Balcão de Pet Shop não é consultório, nem clínica’’ foi bem recebida pelo público e atingiu mais de 1,5 mil pessoas.

O presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Amazonas, Carlos Augusto Machado Carneiro, salientou que a campanha foi criada após denúncias de procedimentos inadequados chegarem ao CRMV/AM, de forma mais intensa, no ano de 2015.

‘’Essa ideia foi amadurecida após denúncias feitas e decidimos dar seguimento ao projeto. São atos importantes, e esta segunda edição foi fundamental para reiterar a importância de educar o cidadão, a sociedade, no momento de levar seu animal para clínicas e/ou consultórios, que são locais que possuem profissional habilitado como médico veterinário. É o primeiro passo para evitar que acidentes ocorram com seu animal de estimação. ’’

A campanha tem como base as Resoluções 1015/2012 e 1069/2014 do Conselho Federal de Medicina Veterinária, esta última ligada ao Responsável Técnico em estabelecimentos comerciais de exposição, manutenção, higiene estética e venda ou doação de animais, e dá outras providências. No início desta semana, mais um procedimento incorreto foi flagrado pela equipe de fiscalização do CRMV/AM.

‘’Tudo isso coincide com situações que nos deparamos. Na última terça-feira, através de uma denúncia anônima, a fiscalização flagrou em ambiente de banho e tosa de um Pet Shop materiais cirúrgicos e anestésicos. Ele irá responder um processo ético profissional’’, emendou.

Com a grande receptividade frente a população, o objetivo do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Amazonas é o de realizar, até o fim deste ano, a terceira edição da campanha ‘’Balcão de Pet Shop não é consultório, nem clínica’’, reforçando o legado transmitido por meio deste evento.

Para denúncias, você pode utilizar o site do CRMV/AM (www.crmv.am.gov.br ), o e-mail: fiscalizacao@crmv.am.gov.br ou pelo telefone 98818-1384.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *